Programa Dá Licença

Vaivém - Brincadeiras Matemáticas

O objetivo desta ação é aproximar os estudantes da educação básica para o pensamento matemático, desconstruir a ideia de que a matemática é algo rígido, que já está feita e que o professor sabe e o aluno não (e ele deve aprender mesmo sem entender porquê). A ideia é visitar escolas públicas dos níveis de ensino fundamental e médio, e nestas visitas motivar o público com problemas divertidos e instigantes, que, além disso, possam ser levados pelos estudantes para seu entorno. Alguns exemplos de problemas são: adivinhar a data de nascimento, decidir entre duas opções qual a cor de um cartão escondido, ou quantas cores precisamos para colorir um mapa plano. A apresentação de problemas assim é relativamente fácil, pois não requer muitos conhecimentos prévios nem conceitos elaborados. Para isto apresenta-se um problema ou jogo que todo mundo possa entender e incentivamos os estudantes a pensarem para encontrar uma explicação usando o seu próprio raciocínio, experimentando assim o fazer matemática. Finalmente podem ser introduzidos os conceitos usados, (como número par, divisão inteira, teoria de grafos) tentando mostrar que a formalização em matemática é importante e ajuda na hora de explicar/resolver os problemas. As oficinas requerem um material concreto que será desenvolvido pelas professoras e pelos alunos da licenciatura que participam da ação. Nas oficinas estarão presentes tanto as professoras como os alunos de licenciatura, pois em geral estas oficinas funcionam melhor em grupos pequenos, tendo cada um dos grupos um monitor/professor. Como produtos, pretende-se, além das oficinas, a produção de uma coletânea de livretos e kits das atividades e dos jogos produzidos. Os materiais didáticos produzidos serão disponibilizados no repositório do programa.

Coordenação: Prof. Viviana Ferrer (GAN/IME-UFF) e Prof. Maria João (GMA/IME-UFF)